25 Dicas de Marketing Digital para Aumentar suas Vendas em 2020

 25 Dicas de Marketing Digital para Aumentar suas Vendas em 2020

Traçar estratégias eficientes de Marketing Digital em grande parte trazem resultados incríveis para seu negócio, portanto, se deseja alavancar as vendas é importante que monte um plano organizado e siga criteriosamente para chegar nos objetivos desejados.

Confira Dicas de Marketing Digital para alavancar as vendas do seu negócio em 2020.

Neste artigo, apresentamos Dicas de Marketing Digital para dar um UP no seu negócio.

Então, pegue um papel e caneta ou mesmo abra o WORD ao lado deste artigo para já ir criando estratégias de marketing para seu projeto.

Apresentaremos as dicas por temas que englobam o Marketing Digital, entre os segmentos, temos:

Cursos para Empreendedores

NOVIDADE!

Curso para Empreendedores

Aprenda hoje! Confira uma incrível seleção de Cursos Online para Micro e Pequenos Empreendedores ministrados por profissionais das mais diversas áreas.
São cursos que ajudarão dar um UP nos seus negócios.

  • Usuário;
  • Blogs;
  • Produção de Conteúdo;
  • SEO;
  • Compra de mídia;
  • Email Marketing;
  • Mídias sociais;
  • Monitoramento;
  • Conversão;
  • Análise.

Confira a lista de Dicas de Marketing Digital para alavancar suas vendas:

1.    Aumente a experiência do cliente

Experiência no sentido de oferecer o melhor serviço, o melhor atendimento para o usuário em todos os momentos que terá contato com a marca. São as experiências que converterão ou não o usuário à cliente.

Além disso, uma experiência incrível de compra faz com que o cliente propague ainda mais a marca, produto e serviços oferecidos, seja em suas redes sociais ou menos no tão popular boca-a-boca, ou seja, em conversas descontraídas dos clientes pode surgir seu projeto como pauta nas conversas.

As experiências negativas também afetam o negócio. Atualmente temos sites como o ReclameAqui, onde é possível apontar essas experiências negativas, o que pode prejudicar na conversão de um novo possível cliente.

Em alguns casos, os usuários buscam se informar antes de realizar a compra e o ReclameAqui é um dos canais que oferecem informações essenciais sobre as empresas aos novos consumidores.

Portanto, a primeira Dica de Marketing Digital é a “Dica de Ouro” para manter o crescimento sustentável do negócio.

O cliente satisfeito pode fazer um novo pedido e ainda replicar positivamente sua experiência de compra e assim ganhar novos clientes. Já o cliente insatisfeito pode denegrir a imagem da marca, dificultando aquisição de novos clientes.

2.    Defina claramente as Personas do negócio

Uma Persona é a descrição detalhada de uma personagem que representa o perfil do cliente ideal. Essa personagem deve inspirar as estratégias do marketing digital como: quais ferramentas utilizar, qual tipo de mensagem abordar, onde e quando realizar essas ações.

Diferente do Público Alvo que utiliza uma amostragem para direcionar o público de uma marca, a Persona é um perfil mais elaborado, destacando hábitos de consumo e de comportamento do cliente ideal para o produto ou serviço.

Lembrando que é comum um projeto ter mais de uma Persona, porém todas devem “afunilar” suas características, detalhar ao máximo.

Assim é possível criar ações e conteúdos onde de fato os clientes ideais estão localizados.

3.    Mantenha o site atualizado – Dicas de Marketing Digital

Neste ponto, procure pensar nas duas primeiras dicas de marketing digital (Experiência do Usuário e Personas), ou seja, mantenha o site sempre atualizado seguindo datas sazonais e comerciais do calendário anual, focando na experiencia do usuário com layout bem atrativo, velocidade e praticidade de acessos, além disso, elabore a estrutura com mensagens direcionadas para as Personas do negócio.

Se o negócio é somente físico, ainda sim vale manter um site institucional para apresentar os benefícios e facilidades de acesso, porém caso seja venda de produtos, pense em evoluir os processos para montar o e-commerce.

Lembre-se de que, antes de visitar os estabelecimentos, os usuários realizam pesquisas e normalmente utilizam o Google para buscar essas informações.

Quanto ao Calendário Anual de Marketing, procure acompanhar as ações comerciais para alterar as chamadas do site e direcionar campanhas para cada formato. Entre as principais campanhas anuais temos: Natal, Dia das Mães, Black Friday, Dia dos Pais, Dia das Crianças entre outros.

4.    Seja Mobile First

Assim como nossa primeira dica, o Google também resume todas suas estratégias pensando na experiência do usuário, por isso no final de 2016 anunciou o lançamento gradual do algoritmo Mobile First, dando maior foco nos dispositivos móveis e como os sites apresentam seus conteúdos nesses dispositivos.

O Google apenas acompanhou a tendência do mercado com o volume de smartphones surgindo, principalmente para usuários de menor renda que tem acesso de baixa qualidade na internet, então o algoritmo Mobile First analisa a usabilidade, velocidade e principalmente como se adapta à tela dos smartphones, o chamado sites responsivos.

Vamos raciocinar: 90% das pesquisas online são realizadas no Google. Será que vale ou não seguir as tendências do Google?

Dessa forma, é importante investir em sites responsivos e AMP – Accelerated Mobile Pages, páginas aceleradas para dispositivos móveis.

5.    Tenha um BLOG bem estruturado

Seguindo as dicas mencionadas acima, podemos dizer ter um BLOG é uma consequência natural do site ou e-commerce, porém não bem isso que ocorre atualmente.

Muitas empresas deixam de elaborar ou alimentar o Blog por não entender muito bem o poder que essa ferramenta pode oferecer na aquisição de novos clientes.

Ter um Blog deve ser estratégia essencial no Marketing Digital. Com ele é possível receber um volume incrível de tráfego orgânico, aqueles acessos gratuitos. Porém é necessário investir em conteúdos relevantes e, novamente, reforçamos a necessidade de manter o foco na experiencia do usuário.

O conteúdo deve ser atrativo, detalhado e sem “blá blá blá”. Abordamos sobre conteúdo na próxima dica!

Bom, além do aumento de tráfego, um Blog bem estruturado e elaborado pode estreitar o relacionamento entre marca e consumidor, além disso, pode estreitar os laços com influenciadores digitais e ainda com fornecedores, abordando conteúdos que sejam relevantes para cada interessado.

6.    Invista em conteúdos relevantes

Essa dica é uma extensão da anterior, de nada adianta ter um Blog bem planejado sem atualizar com conteúdo relevante.

O conteúdo é a principal porta de entrada dos clientes em potencial, portanto merece atenção especial. Na verdade, merece total atenção!

Invista em conteúdos que realmente façam a diferença para o usuário, neste momento, vale se colocar no lugar do leitor e entender se o assunto abordado é interessante e se todo o texto está claro na leitura, concordância verbal e transmite exatamente o que deseja.

Procure ser detalhista, porém sem ficar no “blá blá blá”, enrolação não funciona! É importante apresentar detalhes que sejam de fato relevantes ao leitor.

Você pode ater criar um artigo com 10.000 palavras, porém se não for claro e relevante, o usuário não terá interesse em continuar a leitura, nem mesmo seguir para a próxima página ou conhecer melhor a marca, produtos e serviços.

Lembre-se da primeira dica: Aumente a experiência do usuário, portanto, produza conteúdo de qualidade!

7.    Utilize palavras-chave para criação de conteúdos

O mais difícil com os conteúdos é buscar inspirações para criar os artigos, então essa dica é essencial para sua estratégia de marketing de conteúdo.

Trabalhe com foco nas palavras-chave do seu segmento. Crie uma lista com as principais palavras e desenvolva conteúdo relevante para cada uma delas. Cada palavra deve ser seu próprio artigo no Blog.

Em seguida, utilize as palavras-chave de cauda longa, são aquelas que utilizam mais de 2 termos como por exemplo: “Camisa Infantil Mulher Maravilha”.

Já a palavra-chave simples, seria algo como: “Camisa” ou “Camisa Infantil”

Você pode conseguir essas palavras na ferramenta do Google Ads que oferece sugestões de palavras-chave com base na URL do site.

Outra dica é utilizar a própria pesquisa do Google. Sempre que você digita um termo o Google tenta completar com sugestões de outros termos de pesquisa, ou ainda, logo abaixo dos resultados o Google apresenta termos que outras pessoas já pesquisam e que sejam similares ao que utilizou.

8.    Utilize técnicas SEO – Dicas de Marketing Digital

O SEO é tão importante quanto simplesmente ter o site ativo na WEB. Com um SEO em definido é possível atrair um volume incrível de tráfego e o melhor, tráfego orgânico!

Você deve ter em mente que o principal player para utilizar as técnicas de SEO é o Google.

Vale reforçar que: 90% das pesquisas são realizadas através do Google e, os 5 primeiros resultados orgânicos do Google recebem 67% dos cliques.

Nem sempre você conseguirá a primeira posição, porém deve se esforçar para chegar ao menos na quinta colocação. Será que é possível?

Sim. É possível, desde que seu conteúdo seja incrível e relevante para o usuário e obedeça a todas as técnicas de SEO indicadas pelo Google como critério de rankeamento.

9.    Seja atuante nas Redes Sociais

As Redes Sociais é onde as Personas do seu negócio estão presentes, estão se socializando, portanto, você deve fazer parte desse fluxo de socialização buscando inserir a marca no contexto do dia a dia dos usuários.

Você deve alimentar esses canais com artigos relevantes, promoções pontuais e campanhas sazonais que a marca está divulgando, além disso, deve utilizar os canais para atendimento ao cliente.

Um volume elevado de usuários procura tirar suas dúvidas de produto através da própria rede social ao invés de enviar e-mail ou ligar para a empresa.

Dessa forma é importante responder a todos os comentários nas postagens, dando devida atenção aos usuários. Esse tratamento pode transformar esse usuário em cliente e ainda ajudar na conversão de outro usuário que está visualizando o perfil da empresa.

Entre as principais redes, temos: Facebook, Instagram, Linkedin, Twitter e Pinterest.

10. Crie perfil no Google Meu Negócio

Com um perfil no Google Meu Negócio, você aumenta a relevância e autoridade da empresa para os clientes, facilitando assim a conversão das vendas.

Os usuários se sentem mais confortáveis em adquirir um item sabendo onde, fisicamente, a empresa está estabelecida, além disso, aumentará as chances dos usuários encontraram seu negócio.

11. Programe E-Mail Marketing com Frequência

Utilize essa ferramenta para manter um relacionamento direto com os Leads e Clientes, onde é possível apresentar novos artigos do Blog, Lançamentos, Campanhas Sazonais ou ainda oferecer informações relevantes sobre o segmento do seu negócio.

Vale ressaltar a importância de manter uma frequência consistente nos disparos, pensando nas taxas de abertura e claro, na experiência do usuário. Ao assinar a newsletter você pode, por exemplo, perguntar quantas vezes por semana deseja receber os e-mails.

Trabalhe com mensagens direcionadas, em cada momento do Funil de Vendas que os Leads se encontram.

12. Parcerias com Microinfluenciadores Digitais

Os Microinfluenciadores são Influenciadores Digitais entre 10.000 e 100.000 seguidores, portanto ainda não estão na fase de “celebridades digitais”. Dessa forma é possível fazer parcerias com esses influenciadores para aumentar o alcance da marca.

Faça uma curadoria dos Microinfluenciadores, organize perfis que sejam relevantes para o projeto e que estejam dentro do segmento em questão.

Uma dica é oferecer parcerias de permuta, onde a empresa libera produtos para que os influenciadores experimentem e assim divulguem em seus canais.

13. Parcerias com Programas de Afiliados

Os Programas de Afiliados são importantes para você aumentar o tráfego de clientes em potencial, sem necessariamente fazer investimentos antecipados.

Grande parte dos programas trabalham no sistema de CPA – Custo Por Aquisição, ou seja, eles recebem uma comissão por cada venda realizada no site que passou por uma divulgação do Programa de Afiliados.

Os afiliados nada mais são que Blogs, Influenciadores, Sites de Conteúdos e Comportamento e os Portais de Notícia que divulgam seu produto em troca da comissão na venda.

Entre os Programas de Afiliados, podemos citar: AWIN, ActionPay, Lomadee.

14. Invista em Mídia Paga

Se você entende que é hora de disponibilizar investimentos financeiros para trabalhar em mídias pagas, com certeza terá resultados expressivos num curto espaço de tempo.

As mídias pagas são eficientes para trazer resultados rápidos, porém o custo pode ser um pouco elevado se não trabalhar de forma concentrada e organizada.

Se você tem uma micro, pequena ou média empresa e tem investimentos baixos, a sugestão é utilizar as demais dicas de marketing digital e investir os valores em outros canais que possam trazer resultados a longo prazo.

Por outro lado, se tem um projeto que possibilite investimentos, vale realizar uma organização com foco na Persona, mensagens, layouts e players que receberão o investimento.

Entre esses players, podemos citar: Google Ads, Facebook Ads que também administra as mídias pagas no Instagram, Linkedin e Twitter.

15. Aumente o Valor Agregado do Produto com Benefícios

Essa Dica de Marketing Digital é essencial para a conversão das vendas, é onde podemos destacar os benefícios, detalhadamente, dos produtos e serviços.

Existe uma diferença entre Valor e Preço, neste caso estamos falando de VALOR.

Valor são os benefícios que o cliente encontra no produto ou serviço e que o convença de sua necessidade, já Preço é o custo monetário que determinado item vale.

Quanto mais benefícios destacar nos itens, maiores serão as chances de encantar o usuário.

Esse encantamento sentimental é que fará concluir a ação de compra.

16. Desenhe o Funil de Vendas do Negócio

Elabore todo o processo do Funil de Vendas do negócio, é importante para entender em quais etapas o usuário se torna Lead e o Lead se torna cliente. E assim enviar as mensagens certas nos momentos certos para cada um deles.

Quanto mais direcionada e customizada for as mensagens, maiores serão as chances de criar vínculos entre Marca e Cliente.

Dessa forma é possível ir conduzindo-o até o Fundo do Funil, onde irá concretizar a venda.

17. Adicione CTA (Call-to-Action) estrategicamente

Os CTA’s são as chamadas para uma ação, ou seja, aqueles botões que induzem o usuário a clicar e assim direcionar para a próxima etapa do processo.

Com os CTA’s bem localizados, torna-se mais fácil o direcionamento dos usuários conforme o objetivo da empresa.

18. Seja Omnichannel – Dicas de Marketing Digital

Seu projeto tem mais de um canal de vendas? Se sim, vale integrar os canais com para oferecer maior experiência ao usuário.

Omnichannel são os canais de vendas integrados, oferecendo o mesmo mix de produtos, mesmos preços e campanhas promocionais, além disso, caso o cliente deseja compra numa loja de São Paulo, pode retirar na loja de Pernambuco, ou ainda, pode comprar no e-commerce ou telefone e retirar em qualquer uma das unidades físicas.

19. Analise os Resultados de Acesso

Utilize ferramentas como o Google Analytics para analisar cada estratégia e cada campanhas realizada.

Com essas análises é possível determinar se uma ação está alcançando os objetivos idealizados ou se precisam ser repensadas.

20. Calcule o ROI

Com o ROI também é possível medir a eficiência de projetos, porém neste caso você entenderá o retorno financeiro real que cada campanha trouxe para a empresa.

ROI é uma métrica que significa, Retorno Sobre o Investimento, ou seja, você entende qual o valor monetário que o negócio recebeu sobre um investimento, seja em uma campanha ou mesmo um novo projeto dentro da organização.

21. Pesquise os concorrentes

Existem algumas ferramentas que é possível pesquisar sobre o que os concorrentes estão fazendo para conseguir tráfego e ter sucesso nos seus canais.

Entre as ferramentas você pode consultar: SimilarWeb e a MOZ.

Além disso, as ferramentas sugerem insights importantes para você melhorar processos que os concorrentes não estão abordando de forma eficiente.

Dessa forma você pode obter vantagens com ideias que valorizem seus processos, produtos e serviços em comparação aos concorrentes. Mas para chegar nesses insights, é preciso conhecer a fundo o segmento de atuação e o processo de compra nos concorrentes.

Encontre formas de pesquisar seus concorrentes, visite as lojas, faça compras, converse no Chat, tire dúvidas por telefone, envie e-mails.

Assim é possível encontrar brechas de melhorias para o seu negócio.

22. Erre rápido para corrigir rápido

A regra é tentar, sem as tentativas você não chegara aos resultados desejados e, no decorrer da existência do seu projeto é possível que surjam ideias incríveis, porém em alguns momentos existe o receio de investir.

Dessa forma, vale a frase: erre rápido para corrigir ainda mais rápido.

Tentando é possível ter ideia da eficiência da ideia aborda, porém deve ser executada seguindo as dicas de marketing digital colocadas aqui, principalmente nos quesitos de análise e do cálculo do ROI.

O quanto antes entender que não está no caminho desejado, pause e repense a viabilidade da ideia, ou mesmo descartá-la. Mas tente!

23. Regra dos 10% | 90% para o Sucesso

Seu projeto só terá êxito se de fato investir, principalmente tempo e foco, em tudo que foi planejado.

Reflita sobre a frase: “o sucesso é constituído de 10% de inspiração e 90% de transpiração”.

24. Plano de Marketing Digital Prático

Elabora um plano no Marketing Digital eficiente, que seja de fácil entendimento entre os responsáveis do projeto.

Com essas Dicas de Marketing Digital é possível iniciar seu plano, descrevendo as necessidades da empresa no segmento que atua.

A palavra escrita tem mais força que ideia na cabeça, portanto, se ainda não começou é hora de colocar as ideias no papel!

25. Registre todos os resultados

Crie um histórico das suas ações registrando todos os resultados de campanhas e projetos desenvolvidos no decorrer do mês e do ano.

Entenda se foram executados dentro dos prazos estipulados, se consumiram os investimentos planejados e qual direção estão seguindo.

Vale investir novamente no próximo período, quais melhorias pode destacar para as próximas ações?

Enfim, monte planos com base nos resultados das ações passadas.

Conclusão

Nessas Dicas de Marketing Digital é possível entender que o cliente está no foco de todas as ações realizadas pela empresa, é necessário que em cada etapa que tenha contato com o cliente, ele saia satisfeito e assim possa replicar sobre a experiência positiva em outros canais.

Além disso, é possível entender a necessidade de transpirar muito para alcançar os resultados desejados, com muito trabalho, liderança e de forma organizada é possível obter o sucesso.

Esperamos tenha aproveitado este conteúdo sobre dicas de marketing digital da CuboUP, nosso objetivo é oferecer informações práticas para você dar um UP em suas vendas. Desejamos sucesso com seu projeto!

Conteúdos Relacionados

1 Comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *