O que é Empreendedorismo Digital: Veja Como Ser um Empreendedor Digital com Dicas e Exemplos

Confira o que é empreendedorismo digital, além disso, veja como ser um empreendedor digital com dicas e exemplos: O empreendedorismo digital cresce rapidamente conforme o aumento de novos usuários na internet, atualmente são 126,9 milhões de brasileiros online, gerando centenas de oportunidades para que empreendedores desenvolvam soluções praticas para consumo online, além disso, os empreendimentos online são em maioria, de baixo custo.
O que é Empreendedorismo Digital

Tópicos do Conteúdo

Empreendedorismo Digital no Mundo: A cada ano, milhões de pessoas se tornam novos usuários de internet, para termos uma ideia, de acordo pesquisa realizada pela TIC Domicílios, 2018 fechou com 126,9 milhões de usuários o que equivale a 70% da população brasileira, já em 2017 eram 67% da população. Portanto, podemos entender que existe um imenso mercado consumidor no mundo digital.

É aí que entra o Empreendedorismo Digital, buscando por soluções para facilitar o cotidiano de todas essas pessoas que, em tese, são potenciais clientes para determinados segmentos de mercado.

O Google é o maior empreendimento digital do planeta, foi à empresa que revolucionou a forma de comprar e vender em dezenas de segmentos, após sua fundação em 1998, o planeta passou inúmeras inovações, onde as marcas encontraram novos conceitos com a Internet, buscando ficar mais próximas dos clientes, oferecendo comodidade, praticidade e agilidade na comercialização de seus produtos.

Além de empresas de renome como Google, Netflix e Spotify, por exemplo, se destacarem em suas áreas, existe outros pequenos empreendedores digitais que também ganham milhares de dólares com soluções práticas e eficientes para seus clientes.

Nesse conteúdo, vamos apontar algumas ideias de empreendedorismo digital para iniciar e obter sucesso online. Portanto, Confira o que é empreendedorismo digital, além disso, veja como ser um empreendedor digital com dicas e exemplos.

O que é empreendedorismo digital?

Empreendedorismo digital é um modelo de negócio que possibilita comercializar um serviço ou produto através de um meio digital como internet, aplicativo, podcast, streaming entre outros. É possível iniciar com empreendedorismo no mundo digital ofertando soluções como cursos online, e-commerce, e-books, canais do YouTube e blogs segmentados, além disso, é possível empreender comercializando produtos de terceiros através de programas de afiliados.

Em linhas gerais, o empreendedor digital oferece soluções que facilitam o cotidiano das pessoas, apresentando produtos e serviços sem que os consumidores saiam de suas casas e escritórios.

Neste conteúdo, você também encontrará algumas dicas para empreender na internet.

Cursos para Empreendedores

NOVIDADE!

Cursos para Empreendedores

Aprenda hoje! Confira uma incrível seleção de Cursos Online para Micro e Pequenos Empreendedores ministrados por profissionais das mais diversas áreas.
São cursos que ajudarão dar um UP nos seus negócios.

Como ser um empreendedor digital?

Para começar no empreendedorismo digital é necessário fazer um plano de negócios, que consiste em relacionar as etapas que deve seguir para evoluir com o projeto.

A primeira etapa é identificar um nicho de mercado do qual você tenha conhecimento pleno sobre os assuntos, em seguida, criar um meio para atrair sua audiência, pode ser um blog, canal no YouTube ou redes sociais. Feito isso, deve gerar engajamento do canal para o público determinado pelo seu nicho.

Porém, não é um processo simples, ou seja, os resultados não chegaram “do dia para noite”.

Nesse segmento, assim como em qualquer outro, para obter sucesso é necessário muito esforço e dedicação.

Reflita sobre a frase: “O sucesso é 90% transpiração e 10% inspiração”.

Dessa forma, podemos entender que planejar e ser criterioso com seu planejamento dentro de um prazo estabelecido é a essência para obter os resultados desejados.

Confira vídeo do Silvio Santos, um dos maiores empresários do Brasil falando exatamente sobre a “fórmula do sucesso”:

Como a empreender o quanto antes

Quais conhecimentos para ser um empreendedor digital?

Com as tecnologias existentes, o empreendedor digital não precisa de muitos conhecimentos técnicos para iniciar seu projeto, porém é preciso conhecer com precisão o segmento que definiu para empreender no mundo online.

Entender sobre o segmento atuação é a base para obter sucesso, além disso, o empreendedor digital precisa destacar algumas características para conseguir os resultados desejados.

Veja uma lista de necessidades básicas para se tornar um empreendedor digital de sucesso.

Conhecimentos sobre o nicho de atuação

É preciso entender bem sobre o segmento que escolheu para empreender no mundo digital, pois é importante relatar em seus canais com propriedade, assim os usuários sentirão confiança nas informações, passarão a seguir seus canais digitais, além disso, passam a ser clientes adquirindo os produtos e serviços oferecidos em sua estratégia.

Tenha curiosidade sobre inovações do seu nicho

A curiosidade aqui, destacamos também como interesse ao nicho escolhido para empreender online, além de ter conhecimentos é preciso gostar dos assuntos para consumir novas informações do mesmo segmento, buscar por novas tecnologias e utilizar esses conteúdos para aprimorar seu empreendimento digital. Aqui vale aquela frase “o sucesso é 90% de determinação e 10% de inovação”.

Portanto, encontre um nicho do qual sinta-se a vontade em falar, que conheça com propriedade e, além disso, tenha curiosidade para adquirir novos conhecimentos e inovações para aprimorar seu projeto.

Seja especialista no segmento

Para adquirir toda a propriedade sobre o assunto, é preciso ser um especialista no segmento que vai atuar. Dessa forma será possível ganhar ainda mais confiança dos seguidores como um formador de opinião. Mantenha-se conectado com outras fontes de conteúdos relevantes para estar sempre atualizado e conseguir produzir novos conteúdos e ainda responder a demanda por conteúdo dos seus seguidores. Estude, analise e crie opinião sobre os mais diversos assuntos do segmento em que irá atuar.

Ajude as pessoas

Ao criar o projeto online, busque por soluções eficientes que ajude outras pessoas. Dentro do seu nicho de atuação faça pesquisas e procure por brechas diferenciadas que pode desenvolver aos seus seguidores e facilite o cotidiano deles. Veja alguns exemplos:

  • Blogueiras de maquiagem fazem passo a passo ajudando mulheres e jovens adolescentes se maquiagem;
  • Blogs sobre carros detalham cada parte das peças, mecânica, valorização e dicas para arrumar coisas simples na própria garagem;
  • Sites de casamento oferecem sistema de Site dos Noivos, onde podem centralizar os convidados e criar uma lista de presentes de casamento, além disso, serve como convite digital do evento;
  • Sites e aplicativos de balada apresentam uma agenda dos próximos eventos no bairro, cidade, estado e em alguns casos até mesmo no País.

Essa lista é muito maior, já que são milhares de segmentos que podem oferecer soluções para os consumidores. Para isso é preciso planejar, pensar, estudar e buscar “brechas” dentro do segmento que pode ser uma oportunidade para seu projeto digital.

Certo, agora que temos uma ideia de conhecimentos básicos para se tornar um empreendedor digital, vamos agora para algumas dicas sobre como começar a empreender.

Como ser um empreendedor digital?

Para ser um empreendedor digital é preciso de muita dedicação e investimento de tempo para focar no projeto online que idealizou, portanto, o principal capital inicial para tirar o projeto do papel e ser um empreendedor digital é você mesmo e as pessoas que estão envolvidas no projeto com você.

É preciso “vestir a camisa” para dar start do no projeto, sabendo que existem desafios à frente, porém não deve desanimar, deve usar os desafios como experiência para melhorar o projeto a cada nova etapa e evoluir, sempre!

Outra frase marcante que cabe muito bem aqui: “É preciso tatuar a marca do projeto na alma” para que os seguidores também gostem do seu empreendimento online.

Confira um passo a passo com dicas essenciais para se tornar um empreendedor digital.

Empreendedorismo Digital
Determine Objetivos no Empreendedorismo Digital

1. Defina um nicho de mercado

Defina um segmento de mercado para iniciar com seu empreendimento online, para isso é importante escolher um nicho do qual já tenha bastante conhecimento e facilidade de falar sobre os assuntos relacionados a este segmento.

Em linhas gerais, escolha um nicho do qual goste, que se sinta a vontade em se expressar, além disso, deve ser um segmento do qual você tenha interesse em estudar mais, conhecer novas tecnologias para aperfeiçoar seu projeto.

Confira alguns segmentos que você pode atuar online:

  • Moda;
  • Automóveis;
  • Viagem;
  • Línguas estrangeiras;
  • Beleza;
  • Saúde e bem-estar;
  • Alimentação;
  • Games e informática.

Nesses exemplos de nicho é possível segmentar ainda mais, dessa forma você consegue centralizar mais o público que irá consumir seus produtos ou serviços, ou seja, será mais fácil você encontrar clientes em potencial.

A lista pode ficar da seguinte forma:

  • Moda – moda plus size;
  • Automóveis – carros importados;
  • Viagem – para um país em específico, como China;
  • Línguas estrangeiras – para uma língua em específico, como mandarim;
  • Beleza – limpeza de pele;
  • Saúde e bem-estar – exercícios para terceira idade;
  • Alimentação – alimentos saudáveis;
  • Games e informática – jogos infantis.

Um nicho bem segmentado pode facilitar o engajamento do seu público, além disso, será mais fácil conseguir parcerias com empresas para patrocinar o projeto quando já estiver engajando um bom número de seguidores que, pode ser clientes em potencial para essas empresas patrocinadoras.

Lembrando que aqui são apenas alguns exemplos de nicho, existe uma infinidade de segmentos que pode atuar, porém a dica de ouro na escolha do nicho é: escolha o segmento que você mais se identifique!

Caso goste de um segmento, mas ainda tem pouco conteúdo, a dica é estudar e se aperfeiçoar para seguir em frente.

2. Estude e avalie o nicho escolhido

Após escolhido o segmento de atuação, procure estudar, fazer pesquisas online ou com amigos e família. Veja se as pessoas que consomem itens do segmento escolhido iriam gostar da sua ideia, se tem interesse em consumir também seu projeto.

Após estudar, procure avaliar a continuação do projeto. Vale seguir com a ideia, acredita ser viável?

3. Defina o formato do produto ou serviço

Agora, você precisa definir como irá monetizar seu empreendimento digital, nessa etapa deve pensar no canal que abrir e de que forma ganhara recursos financeiros com o projeto.

Esse é um processo fundamental, já que será por onde entrará dinheiro para manter o “projeto de pé” com parte dos recursos direcionado para investimento e parte para seu lucro líquido pessoal.

Portanto, vale perder uns dias ou até mesmo semanas planejando como monetizar seu projeto digital. Confira algumas dicas:

  • Cursos online – lecione cursos rápidos sobre o segmento de atuação;
  • Programa de afiliados – utilize seu blog ou redes sociais para divulgar produtos de empresas terceiras e ganhar com comissão nas vendas realizadas por seus links;
  • Criação de conteúdos digitais – crie conteúdos (textos) para micro e pequenas empresas divulgarem em seus blogs;
  • Influenciador digital – foque nas redes sociais (YouTube, Facebook, Instagram, Linkedin) para apresentar passo a passo, passeios e seu cotidiano e busque por empresas para patrocinar seu projeto.

Essas são apenas algumas dicas com as quais pode iniciar seu empreendedorismo online.

Empreendedorismo Digital
Escolha um Produto para Comercializar Online

4. Faça um planejamento do seu projeto digital

Agora que já tem o nicho definido e o tipo de produto ou serviço que irá fornecer aos seus usuários, agora é hora de colocar tudo no papel em formato de planejamento de negócios.

Empreendedorismo Digital
Planejamento é Essencial no Empreendedorismo Digital

Neste planejamento de negócios, você deve criar etapas das quais deve seguir para “tirar o empreendimento do papel e transformar em digital”.

Confira uma estrutura de planejamento de negócios que pode seguir como referência:

  • Nome do Projeto;
  • Nicho de atuação;
  • Tipo de produto ou serviço a ser oferecido;
  • Plataforma de atuação;
  • Público-alvo ou Persona:
  • Concorrentes diretos e indiretos:
  • Quais seus diferenciais com relação aos concorrentes;
  • Como será divulgado;
  • Seus parceiros em potencial;
  • Identidade visual;
  • Data para começar a divulgar.

Lembrando que este é apenas um breve escopo de como estruturar seu planejamento de negócios, você pode, e deve, aperfeiçoar os tópicos inserindo informações que acha relevante.

Nos conteúdos acima, já falamos sobre o nicho o tipo de produto ou serviço que deve oferecer, agora vamos abordar os outros pontos para te ajudar a expandir suas ideias, ok?

Só mais ponto, lembre-se da frase: “O sucesso é 90% transpiração e 10% inspiração”.

Portanto, para conseguir alcançar os resultados desejados, que você definiu no plano de negócios, deve trabalhar com afinco, com vontade de transformar seu projeto em realidade. Seu empreendimento digital depende 90% de você!

5. Defina um nome para seu empreendimento online

Crie um nome de fácil leitura e fácil memorização, assim será mais prático seus seguidores lembrar-se de você quando quiserem retornar ao seu site ou rede social.

Sempre que for criar algo novo, seja o nome do seu projeto ou mesmo produtos e serviços, sinta-se como o próprio consumidor, aquela pessoa que você quer atingir.

Será que seu cliente em potencial acha o nome escolhido relevante, de fácil assimilação. Será que ele gosta do seu conteúdo, do seu produto ou serviço?

Feito isso, vem uma parte um pouco difícil. Conseguir um domínio com o nome que você escolheu.

Nem sempre terá sucesso com a compra de um domínio na internet do nome que você realmente deseja, então vale ressaltar que pode redefinir este nome algumas vezes.

Alguns sites de hospedagem oferecem serviço de verificação e disponibilidade do nome na WEB, tanto para sites com extensão (.com), para (.com.br) ou para outras extensões. Confira em sites como Hostgator ou GoDaddy.

6. Escolha a plataforma que irá atuar

Certo, você já tem nicho definido, produto ou serviço idealizado, nome do projeto já com domínio comprado, agora é preciso escolher a plataforma vai trabalhar para seguir com o projeto digital.

Essa etapa está ligada diretamente com o tipo de produto ou serviço que vai oferecer aos seus usuários. Segue algumas dicas com base em tipos de serviços e produtos:

As plataformas citadas são intuitivas, portanto de fácil desenvolvimento dos produtos. Qualquer pessoa com poucas habilidades técnicas pode criar um projeto incrível do zero, sem mesmo a necessidade de investir com a contratação de técnicos.

Inclusive, alguns serviços de hospedagem já possuem integração com essas plataformas.

7. Defina sua Persona

Personas são características aprofundadas do seu público alvo, ou melhor, do seu cliente em potencial. Aquela pessoa que tem maiores chances de consumir seu produto ou serviço.

Diferente de público alvo que são uma amostragem de pessoas em determinada região, com idade média, sexo e nível social, as Personas é a caracterização do seu público, porém de forma mais segmentada, onde, além das características do público alvo, você também define hábitos de consumo e de comportamento daqueles que entende ser seu cliente em potencial.

Confira aqui um artigo completo sobre Persona.

8. Concorrentes diretos e indiretos

Faça uma lista de todos seus concorrentes, aqueles atuam no mesmo segmento e oferecem o mesmo tipo de produto ou serviço definido por você, esses são os concorrentes diretos. Depois, crie outra dos concorrentes indiretos que são aqueles do mesmo segmento, porém oferecem tipos de produtos diferentes ou ainda, atuam no segmento mais genérico, exemplo: você atua em “moda plus size”, já o seu concorrente atua no segmento amplo de “moda”.

Nessas listas, indique o nome, url do site ou das redes socais e ainda crie um perfil de cada um, como por exemplo:

  • Segmento de atuação;
  • Tipo de produto;
  • Canais de atendimento;
  • Onde faz divulgação;
  • Quais seus parceiros de divulgação;
  • Volume de acessos mensais;
  • Principais palavras chaves que utilizam como SEO;

Com essas informações detalhadas, você pode usar para aperfeiçoar seus produtos e serviços. Observe “pontos cegos” que não são bem trabalhados por seus concorrentes e procure criar diferenciais nesses pontos. Podem servir para chamadas de marketing do seu projeto online.

Procure atualizar essa lista constantemente e, em cada atualização, certifique-se que encontrou os “pontos cegos”, se existirem mais, procure sair na frente com novas ideias.

9. Quais seus diferenciais com relação aos concorrentes

Agora que conhece bem seus concorrentes, crie uma nova lista indicando seus principais diferenciais com relação a eles. É importante que seja sincero e relate todos os pontos dos quais seus concorrentes se destacam perante seu projeto e indique formas de como pode corrigir isso no curto prazo ou no longo prazo.

Exemplo: como está iniciando, é possível que boa parte dos seus concorrentes tenha mais verba para tecnologia e divulgação, os sites podem ser mais rápidos com servidores mais robustos e o perfil das redes sociais com volume incrível de seguidores, então você deve encontrar diferenciais para se destacar e conquistar seu volume de usuários.

Conforme indicamos no início deste conteúdo, o ano de 2018 fechou com um total de 126,9 milhões de pessoas conectadas à internet, isso equivale 70% de todos nossos habitantes. Se seu projeto é realmente bom, conseguirá atrair atenção parte desses usuários.

10. Como será divulgado seu projeto online?

Se estiver começando do zero, ou seja, sem recursos financeiros, é possível empreender no mundo digital de forma consistente, porém deve ter em mente que levará mais tempo para obter retorno e ainda deve investir mais tempo e determinação “debruçado sobre seu projeto”.

Voltemos daquela nossa querida frase: “O sucesso é 90% de determinação e 10% de inspiração”.

Vale ainda ressaltar, ninguém vive só de amor ou somente de banho de sol. É preciso ter atitude. Se estiver começando do zero deve focar seus esforços e persistir. Você vai conseguir!

Bom, agora que passou o momento inspiração, vamos aos pontos de divulgação digital. Confira uma lista de ideias possível, que pode ajudar a dar uma guinada no projeto.

  • Marketing de conteúdo – investia em conteúdo de qualidade para seu projeto, se seu empreendimento digital não é um blog, procure criar um para concentrar informações relevantes e detalhadas sobre seu segmento de atuação. Aplicando técnicas de SEO nos conteúdos será possível clientes em potencial encontrarem seu projeto através do Google, Bing e Yahoo, além disso, seu investimento será somente com a criação dos conteúdos (tempo e conhecimento), não precisa pagar para esses players divulgarem seu blog. Se o conteúdo é bom, relevante e os usuários engajam com ele compartilhando em redes sociais, os mecanismos de busca irão divulgar ainda mais seu projeto;
  • Redes sociais – esteja presente nas redes sociais que fazem sentido para seu projeto, com as redes sociais ativas, divulgue todos seus conteúdos do blog, insira as #hashtags para que novos usuários encontrem seu perfil e, gostando dos seus conteúdos possam te seguir e começar a visitar o link das novas postagens. Quem você conhece que não tem uma conta no Facebook ou Instagram? Hoje essa é uma das questões mais difíceis de ser respondidas, portanto, divulgue tudo que você cria para seu projeto nas redes sociais, torne seu empreendimento digital acessível aos seus seguidores;
  • E-mail marketing ou newsletter – cadastre os usuários que entram no seu site ou blog e volte conversar com eles enviando e-mails de novos conteúdos relevantes, ou mesmo de produtos lançados. Apresente para eles como algo incrível, que “acabou de sair do forno” e ele é uma das primeiras pessoas que está vendo este conteúdo. Torne estes usuários em um Lead e passe a direcionar na jornada do Funil de Vendas para assim concluir a compra no seu site;
  • Crie parcerias – faça uma lista com blogueiros e microinfluenciadores digitais do seu segmento e ofereça uma parceria onde você escreve artigos em seu blog sobre ele em troca de divulgarem seu projeto em seu perfil;
  • Eventos do segmento – na grande maioria dos segmentos atualmente, sempre existem encontros de pequeno porte ou mega eventos que podem te ajudar com networking, negociando parcerias ou mesmo encontrando empresas interessadas em patrocinar projetos como o seu.

Nesses formatos de divulgação são gratuitos, ou seja, depende muito mais do seu empenho em produzir e buscar engajamento nos canais citados, além disso, nossa sugestão é que você siga exatamente nessa sequencia, pois pode crescer de forma consistente.

Você pode ainda investir a divulgação do projeto em canais pagos, como por exemplo:

  • Google Ads;
  • Redes sociais – Facebook Ads, Instagram, Linkedin Ads e Twitter Ads;
  • Sistemas de CRM;
  • Programa de afiliados – Awin Zanox, ActionPay e Lomadee;
  • Native Ads – Taboola.

11. Crie uma lista de parceiros em potencial

É possível criar parcerias online, focando benefícios para ambos os projetos seja para divulgação de conteúdos, o que pode aumentar a divulgação e ainda a relevância do seu domínio para o Google. E ainda divulgar produtos e serviços.

Crie uma lista e apresente sua sugestão de parceria, como ambos podem se ajudar para aumentar relevância e volume de acessos.

12. Crie a identidade visual do seu projeto online

Se já têm habilidades como design, ótimo! Pode criar de forma prática e rápida a identidade visual do projeto.

Por outro lado, se ainda não possui habilidades em programas como Photoshop, Ilustrator ou Corel, pode pedir ajuda com amigos que conheçam esses programas. Negocie um projeto sem custos.

Quando falamos em “identidade visual”, destacamos literalmente sobre o logotipo do projeto, as principais cores que serão, inclusive, replicadas para todo o site como títulos, menu, rodapé e links.

Além disso, tem o formato das imagens a serem aplicadas nos conteúdos. Existem alguns Banco de Imagens que oferecem fotos, vetores e ícones gratuitos, como por exemplo, o Freepik, onde é possível fazer o download das fotos e inserir em suas postagens.

13. Defina uma data para começar a divulgar

Essa data deve ser o término de todo o planejamento e elaboração do projeto e, consequentemente, o início das suas divulgações. A data que você de fato colocará a mão na massa para alcançar as Personas que definiu.

Seguindo as dicas que citamos aqui, é possível criar um empreendimento digital incrível, porém, como já mencionamos antes, 90% do sucesso vai depender única e exclusivamente de você!

Então, mãos à obra!

14. Analise seus resultados

Por fim, toda estratégia colocada em prática deve ter seus resultados analisados. Utilize ferramentas como Google Analytics para entender se os objetivos do seu projeto estão seguindo no caminho desejado ou se será necessária uma intervenção, cancelando ou melhorando a estratégia.

Aplique métricas como ROI para entender o engajamento das estratégias.

Quais as vantagens de ser um empreendedor digital?

Entre as principais vantagens de ser um empreendedor digital temos:

  • Economia de custos, já que os investimentos para produção de start do projeto são baixos;
  • Facilidade de atingir milhares de pessoas, claro, desde que bem planejado e executado será possível atingir um volume incrível de usuários;
  • Facilidade para escalar com aumento elevado de vendas sem necessidade de muitos investimentos, desde que o projeto seja incrível, ele tomará corpo com ajuda dos próprios clientes;
  • Horários flexíveis, desde que bem planejado executando as tarefas conforme planejado, é possível ter horários mais flexíveis, além disso, dependendo do estágio projeto será possível ter mais tempo com a família que numa empresa em local físico.

Esperamos tenha aproveitado este conteúdo da CuboUP, nosso objetivo é oferecer informações práticas para você dar um UP em suas vendas.

Desejamos sucesso com seu projeto!

Confira um bônus de conteúdo.

Bônus de conteúdo para empreendedorismo digital

Dica de leitura: Livros sobre empreendedorismo digital

Confira alguns livros que podem ser inspiradores para seu projeto online!

Trabalhe 4 Horas por Semana –       Timothy Ferriss

Trabalhe 4 Horas por Semana, por Timothy Ferriss. “Esqueça o velho conceito de trabalho. Não espere chegar a aposentadoria para começar a aproveitar a vida. Se o seu sonho é escapar da rotina, experimentar grandes viagens pelo mundo, ter uma renda mensal de cinco dígitos ou apenas viver mais e trabalhar menos, Trabalhe 4 horas por semana é o livro de que você precisa. Este guia para um novo estilo de vida ensina: Como Timothy Ferriss passou de 40 mil dólares por ano e 80 horas de trabalho por semana para 40 mil dólares por mês e 4 horas por semana; Como treinar seu chefe para que ele valorize desempenho em vez de presença; Como trocar uma longa carreira por pequenos períodos de trabalho e mini aposentadorias frequentes; Mais de 50 dicas práticas e estudos de caso de leitores (inclusive família) que dobraram sua renda, superaram obstáculos em comum e reinventaram si mesmos usando as dicas do livro original como ponto de partida; Modelos do mundo real que você pode copiar para eliminar seus e-mails, negociar com chefes e clientes, ou conseguir um chef particular por menos de 8 dólares por refeição; Como alguns princípios do estilo de vida podem ser substituídos e adequados para imprevisíveis tempos de crise; Os mais novos truques e ferramentas, bem como atalhos de alta tecnologia, para viver com um diplomata ou milionário sem ser nenhum dos dois.”

Negócios Digitais – Alan Pakes

Negócios Digitais, por Alan Pakes. “Você tem uma empresa e gostaria de usar o real poder da internet no seu negócio? Deseja montar um negócio on-line, mas não consegue dar o primeiro passo porque não sabe por onde começar? Para o empreendedor digital Alan Pakes, organizador desta obra, a maioria das pessoas que usam a web hoje para vender produtos e serviços está fazendo da maneira errada. Alan Pakes traz um mundo completamente novo, no qual é possível criar negócios rentáveis com pouquíssimos recursos iniciais. E mostra que essa possibilidade está ao alcance de qualquer pessoa empreendedora. O time vencedor de 17 empreendedores que Alan Pakes montou para escrever com ele este livro compartilha suas experiências bem-sucedidas nos negócios digitais para inspirar você a criar novas oportunidades na rede. Você vai descobrir: O mindset dos empreendedores: Como e por que construir sua Lista de e-mails e cuidar bem dela; Como transformar seu conhecimento em produto; Como conquistar audiência pelo Google e pelo Facebook; Como se relacionar com seu público; Como criar um script de vendas on-line; Como monitorar seu trabalho para saber se está no caminho certo; Como fazer um ano de vendas em sete dias; E muito mais!”

O Mensageiro Milionário – Brendon Burchard

O Mensageiro Milionário, por Brendon Burchard. “Nesta obra, que muda as regras do jogo, você constatará que:
– Sua história de vida e sua experiência têm importância e valor de mercado maiores do que você sonhou.
– Você está aqui para fazer a diferença. O melhor modo de realizar isso é apresentar convenientemente seus conhecimentos (sobre qualquer tópico, em qualquer setor) para ajudar outras pessoas a obterem sucesso.
– Você pode ser remunerado por compartilhar suas informações e recomendações práticas e úteis. No processo, é possível construir um negócio lucrativo e uma vida profundamente significativa.”

O Mito Do Empreendedor – Michael E. Gerber

O Mito Do Empreendedor, por Michael E. Gerber. “Com mais de três milhões de exemplares vendidos em todo o mundo, O Mito do Empreendedor traz métodos eficazes para que você se prepare melhor, mantenha uma atitude positiva e eleve sua produtividade. Uma verdadeira fonte de conhecimentos indispensáveis para quem está disposto a encarar o desafio de criar o próprio negócio e transformar uma boa ideia em um empreendimento bem-sucedido. Em O Mito do Empreendedor, você vai aprender: – como preparar seus funcionários para que eles sejam uma extensão sua – dê ao negócio a “sua cara”, sem precisar fazer tudo sozinho; – formas de estruturar sua empresa para superar eventuais turbulências; – como aliar entusiasmo com inovação, para crescer sempre; – a estabelecer o programa de desenvolvimento que melhor se encaixe em seu empreendimento, visando estabilidade e solidez. O Mito do Empreendedor é a sua chance se de tornar um grande empresário, mantendo os pés no chão e obtendo ótima rentabilidade. O caminho para o seu maior sonho está diante de você! Comece a trilhá-lo agora!”

A Menina do Vale 2 – Bel Pesce

A Menina do Vale 2, por Bel Pesce. “Um livro recheado de histórias pra você ter uma atitude empreendedora! Quem não se lembra da Menina do Vale, a jovem empreendedora brasileira de sucesso que se formou no prestigiado MIT, trabalhou em empresas como o Google e a Microsoft, criou a sua própria startup no Vale do Silício e publicou um livro digital que só na internet chegou aos 2 milhões de downloads? Pois é, estamos falando de Bel Pesce, que recentemente foi nomeada pela revista Forbes como umas das jovens com menos de 30 anos com mais potencial no país .Depois de sete anos morando nos Estados Unidos, Bel Pesce voltou ao Brasil e decidiu focar seu trabalho na educação de milhares de jovens, fundando a FazINOVA, com a missão de descobrir, desenvolver e conectar pessoas talentosas. Bem-vindo à “A menina do vale 2”, um livro recheado de histórias e razões para você ter uma atitude empreendedora e responsável perante a vida!”

Inteligência Competitiva em Tempos de Big Data – Elisabeth Gomes e Fabiane Braga

Inteligência Competitiva em Tempos de Big Data, por Elisabeth Gomes e Fabiane Braga. “Inteligência Competitiva em Tempos de Big Data se propõe a orientar o planejamento, a criação e a implantação de um processo de Inteligência Competitiva para empresas, considerando o cenário atual de rápidas evoluções tecnológicas e produção maciça de informações. O objetivo maior é apresentar, em formato de roteiro, como identificar, selecionar e transformar informações relevantes ao negócio em análises inteligentes e dinâmicas, que ajudem os decisores, de qualquer nível organizacional, na definição de uma ação focada que gerará vantagens competitivas em ambientes de negócios dinâmicos. São considerados no texto o apoio de tecnologias atuais, como a Big Data. Atualmente, com o crescimento exponencial da informação, o maior desafio das empresas é construir processos e ferramentas mais eficazes, não só para gerenciar a informação, mas também para facilitar a transformação dessa informação em conhecimento e, consequentemente, em ação efetiva para a empresa. Mas como fazer isso? Como realizar essa transformação? Como mostrar às empresas a importância de investir nessa transformação? Lendo este livro, o leitor será apresentado a uma maneira de construir este processo, de analisar essas informações. A obra detalha um roteiro prático e atualizado para o uso de Inteligência Competitiva nas empresas, sejam elas de pequeno, médio ou grande porte e de qualquer setor econômico. Além disso, o leitor poderá viajar por mundos da informação que nunca antes foram pensados e usados para sua empresa, pois será instigado a realizar uma busca o mais precisa possível no mundo virtual, visando gerar análises que criem ou agreguem valor ao negócio. Trata-se de um livro sobre como buscar e tratar a informação como um instrumento de gestão. A obra enfatiza os benefícios que as empresas terão com a implantação de um sistema dessa natureza. Este será seu livro de cabeceira para negócios.”

Confira mais dicas de: Empreendedorismo e Marketing
Veja também outros portais da CuboUP: Cursos para Empreendedores e Ferramenta de SEO

Compartilhe

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on facebook
Share on twitter

Compartilhe

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on facebook
Share on twitter

Novidade!

Curso para Empreendedores

Comece hoje! Confira uma incrível seleção de Cursos Online para Empreendedores ministrados por profissionais das mais diversas áreas. São cursos que ajudarão dar um UP nos seus negócios.